domingo, 2 de setembro de 2012

Atacado e varejo

Mesmo quando se defendia,
dizia coisas por atacado.

Quando atacava,

distribuía olhares a varejo,
como se ao girar a metralhadora,
diluísse a munição
para não ferir ninguém

Só se sentia vencedor,
quando podia distribuir
abraços a granel.

Na alegria,
chorava em grãos.

Na tristeza,
saía sem destino,
sem desatino.


Ia por um caminho,
retornava por outra via.
   
Muitas vezes,
desestradava.

Podia até se perder,
mas não gostava de ser achado.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Quem sou eu

Minha foto
Na rádio, sou o narrador de futebol, Carlos Augusto. Na TV, sou o repórter e apresentador Carlos Albuquerque. Aqui, neste blog, pretendo resolver essa "crise de identidade" e juntar os dois "Carlos"! Mas, no fundo, sou aprendiz, eternamente aprendiz! Sou filho da terra, de todas as terras que formam o planeta, de todas as substâncias que formam o universo. Sou irmão de todos os seres. Sou o pai da Luíza.